Museus virtuais para “visitar” durante a quarentena

A pandemia do Coronavírus que se alastra por diversos países nos obriga a ficar o máximo de tempo possível em casa. Passear e viajar estão fora de questão nesse momento, mas sempre é possível dar um jeitinho pra se distrair nessa quarentena.

No nosso último post listamos algumas opções de livros e vídeos para “viajar” de casa nessa quarentena, agora as nossas dicas serão mais culturais.

Vários museus oferecem tour virtual em seus sites para que você possa conhecer um pouco mais de suas obras sem que precise sair de casa. Fizemos uma lista com alguns deles:

Louvre, Paris

Um dos principais museus do mundo, o Louvre conta com um acervo que vai da pré-história até o século 21. O tour virtual aborda principalmente a coleção de antiguidades egípcias e permite que se tenha uma visão 360° dos ambientes.

Museu do Louvre (Foto: Ian Kelsall/Pixabay)

Museu Nacional de História Natural, Washington D.C.

Nesse tour é possível conhecer todas as salas, deste que é um dos museus mais visitados do mundo, incluindo a de mamíferos, insetos e dinossauros.

Museu Nacional de História Natural (Foto: SeanPavonePhoto/iStock)

Museus do Vaticano, Vaticano

O tour virtual pelo Vaticano, permite aos visitantes fazer um passeio 360° pelas principais áreas do museu, assim como os jardins e a Capela Sistina de Michelangelo.

Museu Vaticano (Foto: Angel Chavez/Pixabay)

British Museum, Londres

O Museu Britânico conta com uma coleção de 8 milhões de itens e parte deles estão disponíveis em seu site oficial, onde é possível ler e ouvir explicações de cada uma delas.

British Museum (Foto: Hurk/Pixabay)

Google Art Project

A principal dica do post é o projeto de arte criado pelo Google com a colaboração de mais de 250 instituições de arte do mundo todo, que permite ao público “visitar” diversos museus com imagens de 360° usando a tecnologia do Street View e visualizar em alta resolução mais de 45 mil objetos de arte.

Dentre os museus disponíveis para visitação virtual estão o Musée d’Orsay em Paris, a Casa Branca em Washington D.C., o Museu de Arte Islâmica do Catar, o tesouro nacional japonês de Hideyori Kanō, além de grandes museus brasileiros como o Museu Nacional de Belas Artes no Rio de Janeiro, Museu Imperial em Petrópolis, Museu do Futebol em São Paulo e Inhotim em Minas Gerais.

O destaque fica para a oportunidade de conhecer o Museu Nacional, localizado no Rio de Janeiro, que pegou fogo no dia 2 de setembro de 2018 tendo quase a totalidade de seu acervo destruída. Através do Google Arts é possível explorar a antiga edificação e conhecer os itens que estavam expostos nesse que era a mais antiga instituição científica do Brasil e o maior museu de história natural e antropológica da América Latina.

Espero que vocês tenham gostado dessas dicas e que aproveitem essa pausa, necessária e super importante para evitar o contágio do COVID-19, para poder se distrair e explorar esses e muitos outros lugares incríveis.

Conta aqui nos comentários o que você achou desse post e indique outras atividades para se distrair durante esse período!

2 comentários sobre “Museus virtuais para “visitar” durante a quarentena

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s